#Livro: Heróis de Verdade de Roberto Shinyashiki

Publicado em 24 de abril de 2016




Heróis de Verdade Shinyashiki, Roberto T. Editora Gente

Porque iniciar uma coluna sobre livros, em um site dedicado a música, feito para bandas, fanfarras e orquestras, e justamente com a temática autoajuda? Há, este livro é bem diferente de outros livros dentro desta temática. “Heróis de Verdade” de Roberto Shinyashiki não é um livro de autoajuda qualquer, o classificaria como um livro de recordações sobre o que realmente importa em nossas vidar, independente se músico ou engenheiro.

Explico

Não fui a uma livraria e busquei na seção de autoajuda um livro para ensinar como melhorar minha vida, definitivamente não. A situação se deu durante uma viagem a trabalho, inclusive uma situação nova para mim. Sem o costume de aguardar o horário do voo e seguindo orientações da passagem, cheguei cedo ao aeroporto. Isso foi lá em 2005. O voo atrasou mais de duas horas e fiquei vagando pelos corredores do aeroporto. Encontrei uma livraria, entrei e fui procurar alguma revista de cinema, paixão que tenho, mas esbarrei neste livro com um título que me chamou a atenção. Quem seriam estes heróis de verdade?

Efetivamente não estava em um bom momento da minha vida pessoal e financeira, além de ter deixado de atuar como músico da Lyra de Mauá, e outros problemas que não cabem nesta coluna, isso tudo me incentivou a comprar o livro. A leitura nos remete ao dia a dia de uma pessoa comum, eu ou você, nossas escolhas e decisões , os fatores, pesos e medidas que usamos para decidir o que será bom ou ruim para cada um de nós.  Quando somos individualistas em nossas decisões e quando conseguimos enxergar o todo, o próximo. Porém o autor por diversas vezes nos alerta de como tomamos decisões, com frequência, pautadas na expectativa de outra pessoa, de como somos vistos e julgados pelo outro e não do que realmente necessitamos ou verdadeiramente pesamos sobre um assunto.

Um exemplo

Em sua narrativa sobre a compra de uma nova câmera fotográfica. O autor relata a história de uma viagem feita com sua esposa, em que ele queria comprar uma nova câmera fotografia. Este novo equipamento possuía duas ou três funções diferentes da sua câmera atual, que ele havia comprado a poucos anos. Estava novíssima. Então veio o questionando de sua esposa: – Sua câmera atual não atende suas necessidades hoje? Pois é, já podemos imaginar a resposta.

Ele nos faz refletir sobre todas as coisas inúteis que compramos, cada ação que tomamos sem uma real necessidade. Frequentemente desperdiçamos nosso  tempo desnecessariamente com programas que não nos agregam valores, acabamos trocando a companhia de um ente querido por horas frente a tv. Gastamos dinheiro para comprar sentimentos, não damos valor ao real sentimento por não ter um resultado financeiro. Invertemos os valores.

Lembretes

Estes pensamentos e situações permeiam o livro “Heróis de Verdade” que se tomou um dos meus livros de cabeceira, que sempre dou uma folheada para relembrar das coisas importantes da vida, de um momento, de uma pessoa, de uma música, e no meu caso como um músico de Banda Marcial, os diversos campeonatos e momentos que passei em companhia de tanta gente bacana e diferente no norte ao sul de nosso brasil.

Leitura mais que recomendada.

Forte abraço e boa semana

mm

A paixão musical surgiu em 1989 após ouvir a banda de sua igreja tocar. Em 1992 ingressou na Banda Municipal de Ribeirão, já extinta, em 1994 migrou para a Corporação Musical Lyra de Mauá, onde atua como Diretor, também atua como Maestro na corporação Musical Nova Aliança.

PLAYLIST PODCAST

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Cadastre seu email

PARTICIPANTE POR EPISÓDIO

CATEGORIAS